A formação do músico católico é fundamental e a pedra principal é sua obediência e concordância litúrgica.
CASO O PLAYER DE ÁUDIO NÃO CARREGUE, ATUALIZE O NAVEGADOR ATÉ QUE SEJA ATIVADO O botão "PLAY".

terça-feira, 7 de julho de 2015

MÚSICO OU ADORADOR?

O Pai está à procura de verdadeiros adoradores! O músico que é um verdadeiro adorador não é "estrela" e nem "pop star", e também não tem nenhum tipo de compromisso com este tipo de glória, mas é um salmista, ministro do altar, é conhecido como um verdadeiro servo e homem de Deus. É aquele músico que, além de executar a sua arte, é consagrado a Deus e separado para Ele; e com certeza, sabe a respeito da necessidade que há da unção do Espírito Santo em sua vida, assim como em sua música. É um músico aprovado por Deus e pelos homens, pois os seus frutos o acompanham.

O que desejamos realmente ser, músicos ou adoradores?
Sabemos que algumas situações tendem a nos afastar do alvo, que é a presença de Deus, porém, o que o Pai deseja de cada um de nós é compromisso, sinceridade, amor naquilo que fazemos para Ele.
A música na Igreja tem a finalidade de alcançar corações que não conseguem, muitas vezes, entender uma mensagem falada.
O que é adoração?
Adorar a Deus não se limita apenas no momento em que estamos louvando na Igreja, mas ser um adorador filho de Deus, vai muito além do altar.
Muitos têm a concepção de que ser cristão é pegar a Bíblia em determinado horário e ir à Igreja. Mas será que durante todo o tempo, estamos na presença de Deus, adorando-o com nossas atitudes, pensar e agir?
Sabemos que Ele está conosco todo o tempo, contempla todas as coisas e espera de nós uma adoração contínua, pois Ele nos criou para o louvor da sua glória. Obediência e adoração: Josafá, rei de Judá, foi um homem obediente ao Senhor, (II Crônicas 19,9) e mesmo no momento em que todos o consideravam um homem derrotado sendo ele um adorador verdadeiro, ele obedeceu ao Senhor, obteve a vitória e o Nome do Senhor foi glorificado.
Temos também o exemplo de Lúcifer... Alguém que conhecia a Deus e estava bem próximo D’Ele e sabia exatamente como alegrar o seu coração, mas não o fez, preferiu entristecer o coração de Deus com sua desobediência e soberba a ponto de se achar capaz de tomar o lugar do único Deus, digno de toda a glória, honra e louvor.
Nada entristece mais o coração de Deus do que olhar para o altar e ver apenas um músico que quer ser reconhecido. Ora, a glória é de Deus, o reconhecimento vem de Deus, que derrama sobre nós sua unção e graça, isto sim, deve ser notório em nossas vidas.
Muito antes de sermos bons músicos, devemos ser filhos, amigos de Deus, então, saberemos o que lhe agrada ou não.
O que é ser músico?
Alguns tendem a ser apenas músicos, se preocupam com toda a técnica e apresentação, mas Deus não quer apenas isso, Ele quer muito mais de você, aliás, ELE QUER VOCÊ! Ele quer você como filho, como amigo e como um adorador!
Jesus: modelo de adorador
1 - Jesus não buscava reconhecimento, glória e honra, e não buscava interesses e benefícios pessoais;
2 - Jesus era obediente à voz do Pai;
3 - Jesus tinha compaixão pelas pessoas e, por isso, as resgatava para o reino de Deus;
Este é o principal desafio para nós, músicos cristãos, sermos imitadores do nosso melhor modelo de adorador que é Jesus! Sejamos imitadores de Cristo!
Não seja apenas um músico - Seja um “Músico Adorador”.

Autor: Vanessa Lima, cantora e professora de iniciação musical

Fonte: Arquidiocese do Rio de Janeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...