A formação do músico católico é fundamental e a pedra principal é sua obediência e concordância litúrgica.
CASO O PLAYER DE ÁUDIO NÃO CARREGUE, ATUALIZE O NAVEGADOR ATÉ QUE SEJA ATIVADO O botão "PLAY".

terça-feira, 12 de agosto de 2014

ÍTALO VILLAR REINVENTA A MÚSICA CATÓLICA


"Ainda existe vida inteligente na música católica"

Mas afinal, o que apresenta o trabalho de Ítalo Villar? Na realidade um conjunto de obras. Envolve o trabalho de muitas pessoas e a oração de outras tantas... O resultado não poderia ser diferente e uma indicação ao Grammy Latino não se recebe todo o dia. Padre Joãozinho, scj reconhece o sério trabalho do amigo, em artigo para Paulinas, que "ecoa" também como um desabafo.

"No Hallel de Brasília tive a oportunidade de reencontrar o amigo Ítalo Villar, indicado este ano como candidato a receber o Gremmy Latino na categoria de álbum cristão.

Ítalo é a prova de que é possível unir inteligência e unção na música. Ele consegue reinventar a velha e boa canção católica em um ritmo pop contagiante e de extremo bom gosto. É uma música inteligente do ponto de vista técnico-musical e também teológico.

Ele é exigente na correção da linguagem e das imagens harmônicas que usa. É bom de ouvir. A interpretação irrepreensível e afinada é ajudada por um repertório cuidadosamente escolhido. Todo músico é chato com música. Gosta de cantar, mas não tem muita paciência e fica passando as músicas sem ouvi-las inteiras. Ítalo conseguiu me prender do início ao fim das canções.

Tudo isso em um músico família e que continua participando de sua paróquia e manda as fávas o sucesso fácil. Só pode nos levar a agradecer ao bom Deus: ainda existe vida inteligente na música católica!"

Padre Joãozinho, SCJ

Grandes Sucessos:

No ano de 1995, teve sua primeira experiência em estúdios de gravação junto com a banda, onde gravaram um Compacto, cujo a música era “Eu Sou o que Sou”, musica que abriu as portas para a banda dentro do cenário musical católico.

Em 1999, como membro do Ministério Haguidéni, gravou o belíssimo Cd “Eu Sou o que Sou”, Cd este que se tornou um marco na história da música católica, consolidando de vez o chamado que Deus fizera anos atrás.

No ano de 2001, lançou-se como Produtor e Arranjador vocal, tendo como seu primeiro trabalho, o Cd “Alegra-te”, do cantor e amigo Flavinho (Ex- Canção Nova), que lhe abriu definitivamente as portas para tantos outros trabalhos fonográficos.

Site Ítalo Villar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...