A formação do músico católico é fundamental e a pedra principal é sua obediência e concordância litúrgica.
CASO O PLAYER DE ÁUDIO NÃO CARREGUE, ATUALIZE O NAVEGADOR ATÉ QUE SEJA ATIVADO O botão "PLAY".

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

MÚSICOS E A POSTURA EM ANIMAÇÕES LITÚRGICAS

Os músicos devem participar ativamente da Santa Missa, nas orações, nos cantos, nos momentos de silêncio e escuta da palavra de Deus.
O lugar dos cantores e dos instrumentos musicais, tanto quanto a estrutura da igreja o permita, à schola cantorumdeve destinar-se um lugar que manifeste claramente a sua natureza, como parte da assembleia dos fiéis, e a função peculiar que lhe está reservada; que facilite o desempenho dessa sua função, e que permita comodamente a todos os seus componentes uma participação plena na Santa Missa, isto é, a participação sacramental. (Instrução Geral do Missal Romano, 312).
Com isso fica claro que os músicos não devem ter lugar de destaque, mas fique fora do presbitério juntamente com o povo. Devem participar ativamente da Santa Missa, nas orações, nos cantos, nos momentos de silêncio e escuta da palavra de Deus.


No que diz respeito aos uso dos instrumentos, o órgão e os outros instrumentos musicais legitimamente aprovados sejam colocados num lugar apropriado, de modo a poderem apoiar o canto, quer da scholaquer do povo, e a serem bem ouvidos por todos, quando intervêm sozinhos. É conveniente que o órgão, antes de ser destinado ao uso litúrgico, seja benzido segundo o rito que vem no Ritual Romano.
No tempo do Advento usem-se o órgão e outros instrumentos musicais com a moderação que convém à índole deste tempo, de modo a não antecipar a plena alegria do Natal do Senhor.
Autor: Fábio Roniel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...