A formação do músico católico é fundamental e a pedra principal é sua obediência e concordância litúrgica.
CASO O PLAYER DE ÁUDIO NÃO CARREGUE, ATUALIZE O NAVEGADOR ATÉ QUE SEJA ATIVADO O botão "PLAY".

quarta-feira, 3 de junho de 2015

RIO 450: A IGREJA NA CIDADE

Os departamentos de História e Teologia da PUC-Rio em parceria com a Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB) promoverá o Seminário “Rio 450: A Igreja na Cidade”. O encontro é fruto de uma iniciativa conjunta de pesquisa entre as instituições sobre a história da Igreja e sua relação com o povo carioca. O evento será realizado no dia 2 de junho no auditório do RDC, na PUC-Rio, e no dia 3 de junho no auditório da FCRB.
A PUC-Rio está localizada na Rua Marquês de São Vicente, 225, Gávea. A Casa de Rui Barbosa fica na Rua São Clemente, 134, Botafogo. A entrada é franca.
Haverá transmissão ao vivo pelos portais PUC-Rio Digital (http://puc-riodigital.com.puc-rio.br/), no dia 2, e Fundação Casa de Rui Barbosa (http://www.casaruibarbosa.gov.br/), no dia 3.
Programação
Dia 2 de junho
10h: Abertura - Cardeal Dom Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro e grão-chanceler da PUC-Rio, e demais autoridades acadêmicas.
10h30: Conferência
Margarida de Souza Neves (PUC-Rio): “PUC-Rio: uma universidade na história da cidade”

14-16h: Mesa I - Da fundação da cidade à instalação do bispado (1565–1680)
Eunícia Fernandes (PUC-Rio): “Todos e partes: pensar a História da Igreja no Rio de Janeiro através da Companhia de Jesus”
Fania Fridman (IPPUR/UFRJ): “Irmandades no Rio de Janeiro do passado”
Padre Edvino Steckel: “450 anos de cidade ou de vila?”
16h15-18h15: Mesa II - Da instalação do bispado à vinda da corte (1680–1808)
Cesar Tovar (CSI): “Santo Antônio, herói militar do Rio de Janeiro colonial”
Beatriz Catão (UFRJ): “Notas sobre a polêmica mudança da Sé do Rio de Janeiro, (c.1681- 1808)”
Anderson Oliveira (Unirio): “Políticas episcopais e ordenação de negros no bispado do Rio de Janeiro (1702-1745)”
Dia 3 de junho
10-12h: Mesa III - O padroado na corte (1808–1890)
Claudia Rodrigues (Unirio): “O padroado e a jurisdição sobre os cemitérios públicos no Rio de Janeiro imperial”
Francisco de Souza (Uerj): “Os religiosos no IHGB”
Cristian Santos (FCRB e Câmara Federal): “O bispo ultramontano e o padre sedutor: Igreja, polícia e imprensa nas charges anticlericais cariocas”
14-16h: Mesa IV - A Igreja e a secularização do Estado (1890–1950)
Leandro Garcia Rodrigues (PUC-Rio): “Igreja e intelectuais no Rio de Janeiro: o Centro Dom Vital e Alceu Amoroso Lima”
Christiane Jalles de Paula (UFJF): “Fé e amizade: Jackson de Figueiredo e Dom Sebastião Leme”
André Phillipe Pereira (PUC-Rio): “Dom Leme, liderança cativante na Igreja e na sociedade”
16h15-18h15: Mesa V - A Igreja e a secularização da sociedade (1950–2015)
Luiz Alberto Gomez de Souza (Ucam): “Dom Hélder, profecia e política”
Sônia Maria Giacomini (PUC-Rio): “Presença das religiões de matrizes africanas no RJ: a percepção dos conflitos religiosos na cidade”
Monsenhor Gilson da Silveira: “A Igreja antes e depois do Concílio: um testemunho”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...